terça-feira, 31 de outubro de 2017

Transtorno de personalidade esquiva

Transtorno de personalidade esquiva é uma condição mental em que uma pessoa tem um padrão ao longo da vida em que se sente muito:
  • Tímido
  • Inadequado
  • Sensivel à rejeição


Causas de transtorno de personalidade esquiva

As causas de transtorno de personalidade esquiva são desconhecidas. Genes ou uma doença física que mudou a aparência da pessoa podem desempenhar um papel importante. 1% da população tem transtorno de personalidade esquiva.


Sintomas de transtorno de personalidade esquiva

As pessoas com este transtorno não conseguem parar de pensar sobre as suas próprias falhas e apenas formam relacionamentos com outras pessoas se acreditarem que não serão rejeitadas. Perda e rejeição são tão dolorosas que estas pessoas optam por ficar sozinhas em vez de arriscar tentar conectar-se com os outros.
Uma pessoa com transtorno de personalidade esquiva pode:
  • Ser facilmente magoada e ficar sentida quando outras pessoas criticam ou desaprovam as suas atitudes ou pensamentos
  • Retrair-se muito em relacionamentos íntimos
  • Ser relutante em se envolver com outras pessoas
  • Evitar atividades ou trabalhos que envolvam contato com os outros
  • Acanhar-se em situações sociais, com medo de fazer algo errado
  • Fazer com que as potenciais dificuldades pareçam piores do que são
  • Achar que o seu ponto de vista não é bem visto socialmente, não ser tão bom como outras pessoas, ou ser pouco atraente


Tratamento de transtorno de personalidade esquiva

Terapia de conversa é considerado o tratamento mais eficaz para esta condição. Ela ajuda as pessoas com esta doença a serem menos sensíveis à rejeição. Em adição, podem ser usados medicamentos antidepressivos.

Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL