domingo, 27 de agosto de 2017

Tracoma

O tracoma, também conhecido como conjuntivite granular e oftalmia egípcia é uma infecção bacteriana do olho.

Causas de tracoma

O tracoma é causado por um infecção com a bactéria Chlamydia trachomatis.
A condição ocorre em todo o mundo, sendo mais frequentemente visualizada em áreas rurais de países em desenvolvimento. As crianças são frequentemente afetadas, mas a cicatriz causada pela infecção pode não ser notada até mais tarde, ao longo da vida. A condição é rara em muitos países. Esta condição é mais provável de ocorrer em populações com condições de vida lotadas ou impuras.
O tracoma é transmitido através do contato direto com o olho infetado, nariz ou fluidos da garganta, mas também pode ser transmitido por contato com objetos contaminados, como toalhas ou roupas. Certas moscas também podem transmitir a bactéria.

Sintomas de tracoma

Os sintomas começam 5 a 12 dias após a exposição à bactéria e a condição começa lentamente, aparecendo como uma inflamação do tecido que reveste as pálpebras (conjuntivite ou “olho cor-de-rosa"). Se a condição não for tratada, pode levar à formação de cicatrizes.
Os sintomas podem incluir:
  • Córnea nublada
  • Secreção do olho
  • Inchaço dos gânglios linfáticos, apenas na frente dos ouvidos
  • Pálpebras inchadas
  • Pestanas alteradas

Tratamento de tracoma

Os antibióticos podem prevenir complicações a longo prazo, se forem utilizados logo após a infecção. Em certos casos, uma cirurgia da pálpebra pode ser necessária para prevenir a formação de cicatrizes de longo prazo, o que poderia conduzir a cegueira, se a situação não fosse corrigida.

Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL