segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Displasia fibrosa

A displasia fibrosa (também conhecida como hiperplasia fibrosa inflamatória ou hiperplasia fibrosa idiopática) é uma doença óssea que destrói e substitui o osso normal com tecido ósseo fibroso. Nesta condição, um ou mais ossos podem ser afetados.

Causas de displasia fibrosa

A displasia fibrosa ocorre na infância, normalmente entre as idades de 3 e 15 anos. A condição está ligada a um problema com os genes (mutação do gene) que controlam as células produtoras de osso. A mutação ocorre quando um bebê se desenvolve no útero, mas a condição não é passada de pai para filho.

Sintomas de displasia fibrosa

Os sintomas podem incluir:
  • Dor óssea
  • Feridas ósseas (lesões)
  • Dificuldade para andar
  • Problemas endócrinos (hormonais)
  • Fraturas ou deformidades ósseas (raro)
  • Cor da pele incomum (pigmentação), que ocorre com a síndrome de McCune-Albright
As lesões ósseas podem parar quando a criança atinge a puberdade.

Diagnóstico de displasia fibrosa

O médico irá realizar um exame físico e raios-X aos ossos serão tomados.


Tratamento de displasia fibrosa

Não existe cura para a displasia fibrosa. As fraturas ósseas ou deformidades são tratadas conforme se torna necessário e os problemas hormonais terão de ser tratados.

Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL