segunda-feira, 12 de junho de 2017

Necrose tubular aguda

Necrose tubular aguda é um distúrbio renal que envolve danos para as células dos túbulos dos rins, o que pode levar à insuficiência renal aguda.

Causas de necrose tubular aguda

Muitas vezes, a necrose tubular aguda é causada pela falta de fluxo de sangue e oxigênio para os tecidos renais (isquemia dos rins), mas também pode ocorrer se as células do rim forem danificadas por um veneno ou por substâncias nocivas.
As estruturas internas do rim, particularmente os tecidos do túbulo renal, podem tornar-se danificados ou destruídos. Necrose tubular aguda é uma das mudanças estruturais mais comuns que podem levar a insuficiência renal aguda.
Esta condição é uma causa comum de insuficiência renal em pessoas hospitalizadas. Os riscos para a condição incluem:
  • Reação decorrente de transfusão de sangue
  • Lesão ou trauma que danifica os músculos
  • Pressão arterial baixa (hipotensão) que dura mais de 30 minutos
  • Grande cirurgia recente
  • Choque séptico devido a uma infecção grave
Doença hepática e lesão renal causada pelo diabetes (nefropatia diabética) podem tornar uma pessoa mais suscetível à doença.
Necrose tubular aguda também podem ser causada por:
  • Material de contraste utilizado para estudos de raios-X (radiologia)
  • Medicamentos que são tóxicos para os rins (tais como antibióticos aminoglicosídeos ou anfotericina)

Sintomas de necrose tubular aguda

Os sintomas podem incluir:
  • Diminuição da consciência, coma, delírio ou confusão, sonolência e letargia
  • Produção de urina diminuida ou nenhuma produção de urina
  • Inchaço geral, retenção de líquidos
  • Náuseas, vômitos

Tratamento de necrose tubular aguda

Na maioria das pessoas, necrose tubular aguda é reversível. O objetivo do tratamento será prevenir complicações potencialmente fatais devido a insuficiência renal aguda
O tratamento visa prevenir o acúmulo de fluidos e resíduos, permitindo que os rins se possam curar.

O tratamento pode incluir:
  • A identificação e o tratamento da causa subjacente do problema
  • Restringir a ingestão de líquidos
  • Tomar medicamentos para ajudar a controlar o nível de potássio no sangue
  • Medicamentos tomados por via oral ou através de uma veia para ajudar a remover fluidos do corpo
  • Diálise temporária para remover o excesso de resíduos e fluidos. Isto pode ajudar a melhorar os sintomas para que você se possa sentir melhor. Ela também pode tornar a insuficiência renal mais fácil de controlar. A diálise pode não ser necessária para todas as pessoas, mas muitas vezes salva vidas, especialmente se os níveis de potássio estiverem perigosamente altos.
A diálise pode ser necessária nos seguintes casos:
  • Estado mental diminuído
  • Sobrecarga de fluido
  • Nível de potássio aumentado
  • Pericardite
  • Necessidade de eliminação de toxinas que são perigosas para os rins
  • Total falta de produção de urina
  • Acúmulo descontrolado de resíduos de produtos nitrogenados

Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL