segunda-feira, 15 de maio de 2017

Paragonimíase

Paragonimíase é uma infecção com vermes parasitas, sendo causada pela ingestão de caranguejo ou lagostas mal cozidas.
Normalmente, não existem sintomas. Mas paragonimíase pode causar doença semelhante a pneumonia ou gripe,  podendo durar anos.

Causas de paragonimíase

Paragonimíase é causada por infecção com um trematódeo, um verme. Normalmente, a infecção aparece depois de comer caranguejo ou lagostim mal cozidos que carregam vermes imaturos.
Uma vez ingeridos por uma pessoa, os vermes amadurecem e crescem no interior do corpo. Durante meses, os vermes espalham-se através dos intestinos e da barriga (abdômen) e penetram no músculo do diafragma, para entrar nos pulmões. Uma vez dentro dos pulmões, os vermes colocam ovos e podem sobreviver durante anos, causando paragonimíase crônica (de longo prazo).
Paragonimíase é rara.  A maioria dos casos ocorre na Ásia, na África Ocidental e América do Sul e Central.

Sintomas de paragonimíase

Paragonimíase não causa sintomas durante a infecção inicial. Muitas pessoas com paragonimíase nunca sentiram quaisquer sintomas. Quando os sintomas de paragonimíase ocorrem, eles resultam de localização e atividade dos vermes no corpo, que mudam ao longo do tempo.
No primeiro mês depois de alguém ser infetado, os vermes da paragonimíase espalham-se através da barriga (abdômen), causando por vezes sintomas que podem incluir:
Em seguida, os vermes viajam a partir da barriga para o peito. Aí podem causar sintomas respiratórios, tais como:

Tratamento da paragonimíase

Na maior parte das pessoas, paragonimíase pode ser curada com medicamentos antiparasitários orais. O tratamento recomendado é o praziquantel (Biltricide). Este, é tomado três vezes ao dia durante três dias.
Nos raros casos de paragonimíase com envolvimento do cérebro, outros tratamentos podem ser necessários, tais como medicamentos anticonvulsivos ou cirurgia para reduzir o inchaço do cérebro.

Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL