domingo, 26 de março de 2017

Cefaleia tensional

Cefaleia tensional é o tipo mais comum de dor de cabeça. Estas dores de cabeça não são causadas por doença. Elas são muitas vezes consideradas como dores de cabeça "normais". Outros nomes para cefalria tensional, são dor de cabeça tensional, dores de cabeça comuns, dores de cabeça de tensão muscular, dores de cabeça e estresse.
Normalmente, a cefaleia tensional provoca dor leve a moderada, geralmente em ambos os lados da cabeça, motivando uma sensação de pressão ou aperto. Esta dor de cabeça não pulsa, não é acompanhada por náuseas e não piora com a atividade física de rotina.
A sociedade tem definido diferentes categorias de cefaleia tensional com base na frequência com que a dor de cabeça tensional ocorre e com a sua persistência. Estas incluem:
  • Episódios pouco frequentes de cefaleia do tipo tensional
  • Menos de 12 episódios por ano
  • Cada episódio pode durar desde 30 minutos a 7 dias
  • Frequentes episódios de cefaleia do tipo tensional
  • Em média, entre 1 e 14 episódios por mês
  • Cefaleia tensional crônica (persistente)
  • Em média, pelo menos 15 episódios por mês
  • Dor de cabeça que dura horas e pode ser contínua
  • Ocorrência com náusea leve durante algum do tempo

Causas de cefaleia tensional

A causa exata da cefaleia tensional é desconhecida, mas parecem haver vários fatores que contribuem para a condição.
Em parte, ela resulta de mudanças na forma como os nervos da cabeça, pescoço e ombros sentem a dor. Ela também pode ser causada por mudanças na interpretação do cérebro dos sinais de dor enviados dos músculos da cabeça e pescoço. Provavelmente, o estresse emocional e tensão muscular também atuam como gatilhos.

Sintomas de cefaleia tensional

O principal sintoma de uma cefaleia tensional é uma sensação de aperto em torno da cabeça. Músculos do pescoço e do ombro ficam muitas vezes tensos e doloridos ao toque. A pessoa pode ter dificuldade de concentração e dificuldade em dormir.
Uma pessoa pode ter tanto dor de cabeça do tipo tensional como enxaqueca. Os sintomas de dores de cabeça do tipo tensional e enxaqueca podem sobrepor-se. Por exemplo, ambos os tipos de dores de cabeça podem ser agravados por luzes brilhantes ou ruídos altos. Em geral, dores de cabeça devido a enxaqueca tendem a ser latejantes. Dor de cabeça tensional causa uma dor mais constante, mas a dor de uma enxaqueca ou cefaleia tensional podem ser constantes ou latejantes, ou alternar entre os dois.

Diagnóstico de cefaleia tensional

Não existe nenhum teste específico para confirmar o diagnóstico de uma cefaleia tensional. O diagnóstico é determinado pela sua descrição da dor de cabeça, do seu histórico médico e tendo por base um exame físico normal.
Uma tomografia computadorizada ou ressonância magnética da cabeça podem ser implementadas. Estes exames de imagem podem ser usados para investigar a dor de cabeça que está associada com sintomas inesperados ou incomuns.

Tratamento para cefaleia tensional

Analgésicos de venda livre são convenientes, eficazes e relativamente seguros. Exemplos incluem aspirina, acetaminofeno (Tylenol) ou ibuprofeno (Advil, Motrin). Algumas pessoas verificam mais alívio da dor com produtos combinados que contêm cafeína.
O uso de qualquer analgésico de venda livre deve ser limitado a não mais de dois ou três dias por semana. Se os medicamentos para a dor forem usados com mais frequência, dores de cabeça “rebote” podem ocorrer nos dias em que os medicamentos não são tomados.
Frequentes dores de cabeça do tipo tensional episódicas e crônicas são mais difíceis de tratar. Dores de cabeça “rebound” são comuns quando os analgésicos são parados. Terapia para evitar a dor de cabeça antes desta começar é uma estratégia melhor do que tomar analgésicos depois da dor de cabeça estar presente. Existem vários medicamentos que podem quebrar o ciclo de dor de cabeça do tipo tensional recorrente, como naproxeno (Naprosyn, Aleve, versões genéricas) e amitriptilina (Elavil, versões genéricas).
Algumas pessoas são capazes de tratar a sua cefaleia tensional sem medicamentos. Você pode aplicar uma compressa de gelo, almofada de aquecimento ou massagem para quaisquer áreas apertadas no pescoço e ombros.
As técnicas de relaxamento e exercícios de respiração profunda podem ajudar a diminuir a frequência e a severidade das dores de cabeça. Algumas pessoas obtêm alívio com biofeedback ou acupuntura.

Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL