quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Lesão do manguito rotador

Lesão do manguito rotador causas sintomas diagnóstico tratamento prevenção riscos complicações
Quatro tendões anexam os músculos do ombro e costelas ao osso do braço (úmero). Porque estes tendões ajudam a girar o braço são chamados de manguito rotador.
Tendões do manguito rotador podem ser facilmente feridos, porque eles se movem dentro de um espaço apertado. Quando o ombro está ligado ou levantado no limite da sua gama natural de movimento, os tendões neste espaço apertado também são movidos. Ocasionalmente, os tendões do manguito rotador podem colidir ou esfregar contra um pedaço ósseo (acrômio) acima deles ou contra um ligamento na frente do ombro.
Esta fricção é conhecida como síndrome do impacto e provoca inflamação no manguito rotador. Atrito no manguito rotador é mais provável de causar inflamação se o movimento do ombro for áspera ou repetitivo. A inflamação pode causar três problemas:
  • Tendinite do manguito rotador – A inflamação de um único tendão provoca dor somente durante movimentos específicos, quando o músculo que puxa contra este tendão está sendo usado.
  • Bursite no ombro, também chamada de bursite subacromial - Bursite ocorre quando a inflamação se espalha para a bolsa do líquido que lubrifica os tendões do manguito rotador. A dor é muitas vezes pior durante a noite e ocorre quando você move o ombro em quase qualquer direção, especialmente se você implementar movimentos para cima.
  • Ruptura do manguito rotador - O tendão pode rasgar depois de ter sido enfraquecido pela inflamação.

Causas de lesão do manguito rotador

Comumente, vários tipos de utilização do ombro desencadeiam lesões do manguito rotador:
  • Dar impulso com os braços - Pessoas com artrite do joelho, outras condições dolorosas nas pernas, ou músculos do quadríceps fracos nas coxas, muitas vezes compensam, dando impulso com os braços quando se levantam de uma cadeira. O ombro não é construído para este uso. Cair sobre um braço estendido, de frente, devido por exemplo a acidentes automobilísticos e colisões em esportes, também podem esmagar os tendões.
  • Movimentos repetitivos – Movimentos repetitivos do braço estreitam o espaço apertado por ponde os tendões do manguito rotador devem passar. Flexões, natação, pintura de casas, trabalhos de construção civil, trabalho mecânico de automóveis e outras atividades podem causar lesões do manguito rotador.
  • Movimentos do braço geralmente fortes ou abruptos - Lesões são particularmente comuns em atletas que praticam esportes de raquete e wrestling. Movimentos bruscos podem rasgar um tendão enfraquecido.
Além disso, o seu ombro pode ficar ferido mais facilmente se você estiver fora de forma. O estreito espaço que envolve os tendões do manguito rotador torna-se ainda mais estreito, se os músculos do ombro ficarem enfraquecidos ou apertados. Quando isto acontece, os movimentos de rotina do ombro são mais propensos a causar atrito no tendão.

Sintomas de lesão do manguito rotador

As lesões do manguito rotador causam dor no ombro e no braço. A dor pode ser mais perceptível quando você move o braço para cima ou para fora. Quando você levanta o seu braço, os tendões são mais propensos a esfregar contra estruturas adjacentes. Por esta razão, os seus sintomas no ombro podem ser piores ao tentar pentear o cabelo. Você também pode sentir uma dor maçante no ombro durante a noite.
Lesão do manguito rotador que afeta uma parte significativa do tendão, pode causar fraqueza do ombro, o que limita a sua capacidade de segurar o seu braço para um lado ou para levantar um objeto. Dificuldade em usar o ombro por causa da dor nem sempre significa que existe uma lesão.


Diagnóstico de lesão do manguito rotador

Normalmente, a lesão do manguito rotador é diagnosticada através de um exame físico. O seu médico irá girar o braço no ombro e, em seguida, irá esticar o seu braço. Se este tipo de movimento provocar dor, o manguito rotador pode estar inflamado.
Se você tiver fraqueza perceptível, serão necessários mais testes para verificar se existe uma rutura do manguito rotador. O seu médico pode injetar um medicamento anestésico no seu ombro para ajudar a distinguir a fraqueza real do tendão da fraqueza muscular.

Se houver suspeita de uma lesão, uma ressonância magnética pode confirmar o diagnóstico.

Os raios-X do ombro nem sempre são necessários, mas podem ser úteis se você teve um trauma no ombro ou se o seu médico não conseguir mover o seu ombro através da sua gama completa de movimento. Outra razão para fazer um raio-X do ombro é a necessidade de observar os depósitos de cálcio em torno do ombro. Os depósitos de cálcio motivam um tendão persistentemente inflamado, causando uma condição chamada tendinite calcificada.

Tratamento para lesão do manguito rotador

Tendinite, bursite e pequenas lesões do manguito rotador no ombro podem ser tratados de forma eficaz com uma injecção de um medicamento corticosteróide seguido de exercícios de fisioterapia para restaurar o movimento do ombro e fortalecer os músculos do manguito rotador. Medicamentos anti-inflamatórias não esteróides (AINESs) tais como ibuprofeno (Advil, Motrin e outros) são úteis para diminuir a dor e a inflamação.
Se o seu médico determinar que você tem tendinite calcificada (depósitos de cálcio), outros tratamentos podem ser úteis. Existe alguma evidência de que o tratamento do ombro com ultrassom ou um procedimento chamado litotripsia, que usa ondas de ultrassom poderosas, conhecidas como ondas de choque, podem ajudar a quebrar depósitos de cálcio e a acelerar a cicatrização.
A cirurgia pode ser necessária para lesões recorrentes frequentes do manguito rotador ou para grandes lesões num tendão do manguito rotador. Uma artroscopia (cirurgia assistida por câmera) ou cirurgia aberta tradicional podem ser usadas.

Também poderá gostar de ler:

Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL