quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Histeroscopia

A histeroscopia é uma forma do médico olhar para o revestimento do seu útero. Ele usa uma ferramenta de visualização chamada histeroscópio. A ponta do histeroscópio é colocada na vagina e suavemente movida através do colo do útero. O histeroscópio tem uma luz e câmera ligada para que o seu médico possa ver o revestimento do útero numa tela de vídeo.
A histeroscopia pode ser feita para encontrar a causa de sangramento anormal ou sangramento que ocorre depois de uma mulher passar pela menopausa, mas também pode ser feita para verificar se um problema no seu útero está a impedir que você possa engravidar (infertilidade). Uma histeroscopia também pode ser usada para remover tumores no útero, tais como miomas ou pólipos.
O seu médico também pode recolher uma pequena amostra de tecido (biópsia). A amostra é analisada sob um microscópio para identificar os problemas. Outra cirurgia, chamada de laparoscopia, também pode ser feita ao mesmo tempo que uma histeroscopia, se a infertilidade for um problema.

Porque se usa a histeroscopia

Uma histeroscopia pode ser feita para:
  • Encontrar a causa de cólicas ou sangramento anormal. O seu médico pode passar ferramentas aquecidas através do histeroscópio para parar o sangramento.
  • Verificar se existe um problema com a forma ou tamanho do útero ou se o tecido cicatricial no útero é a causa de infertilidade.
  • Observar as aberturas do útero para as trompas de Falópio. Se as trompas estiverem bloqueadas, o seu médico pode ser capaz de abrir as trompas com ferramentas especiais a passarem pelo histeroscópio.
  • Encontrar a possível causa de abortos repetidos. Outros testes também podem ser feitos.
  • Encontrar e remover um dispositivo intra-uterino extraviado (DIU).
  • Encontrar e remover pequenos miomas ou pólipos.
  • Verificar a presença de câncer endometrial.
  • Usar ferramentas aquecidas para remover áreas problemáticas no revestimento do útero (ablação de endométrio).
  • Colocar um implante contraceptivo na abertura das trompas de Falópio, como um método de esterilização permanente.

Como se faz a histeroscopia

Geralmente, a histeroscopia é feita por um ginecologista numa sala de cirurgia de um hospital ou centro de cirurgia. A maioria das mulheres irá para casa no mesmo dia. Nalguns casos, a histeroscopia pode ser feita no consultório de um médico.
Você pode receber medicamentos (anestesia) para ajudá-la a relaxar, para anestesiar a área ou para ajudar a dormir.
Você vai tirar todas as suas roupas e usar uma túnica do hospital para realização do exame, e irá esvaziar a bexiga antes do teste. Então, você vai deitar-se de costas sobre uma mesa de exame com os pés levantados e suportados por apoios de pés (estribos).

O seu médico irá inserir uma ferramenta lubrificada chamada espéculo na sua vagina. De forma suave, o espéculo avança para além das paredes vaginais, para que o seu médico possa ver o interior da vagina e do colo do útero. A sua vagina vai ser limpa com um sabão especial.
O histeroscópio será colocado na entrada da vagina e suavemente movido através do colo do útero. Um gás ou líquido será colocado através do histeroscópio no seu útero para ajudar o médico a visualizar o revestimento de forma clara. O médico olha através do histeroscópio com uma visão ampliada do revestimento do útero. Ele também pode ver as aberturas uterinas das trompas de Falópio. Um ecrã de vídeo pode ser utilizado durante o ensaio.
Se um procedimento de biópsia ou outro procedimento tiver de ser realizado, o médico irá utilizar pequenas ferramentas através do histeroscópio. A histeroscopia leva cerca de 30 minutos, a menos que outros procedimentos também tenham de ser realizados.

Depois da histeroscopia

Se você receber um sedativo ou anestesia local, você pode ter algumas cólicas durante o exame. Se você for sujeira a anestesia geral, você pode sentir garganta seca, ligeira rouquidão ou uma leve dor de garganta após o exame. Estes sintomas podem durar vários dias. Pastilhas para a garganta e gargarejos de água salgada quente podem ajudar a aliviar os sintomas associados à garganta.
Algumas mulheres sentem-se tontas e podem sentir desconforto no seu estômago. Isto é chamado de reação vasovagal. Este sentimento desaparece depois de alguns minutos.

Você pode precisar de evitar relações sexuais, usar tampões ou praticar esportes por um determinado período de tempo após a histeroscopia. Converse com o seu médico sobre quando é que poderá retomar às suas atividades normais.

Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL