quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Miosite: Causas, sintomas e tratamento

Miosite causas sintomas diagnóstico tratamento prevenção riscos complicações
Miosite é o termo médico para a inflamação muscular. Numa miosite, a inflamação danifica as fibras de um músculo. Isto faz com que os músculos fiquem fracos, já que a condição interfere com a capacidade dos músculos se contraírem. Embora a miosite possa causar dores musculares e sensibilidade muscular, geralmente, a fraqueza é o sintoma dominante.
Nalguns casos, miosite é um problema de curto prazo que desaparece depois de alguns dias ou semanas. Noutros casos, faz parte de uma condição crônica (longo prazo). Formas crônicas de miosite podem levar a atrofia muscular (perda e encolhimento de massa) e deficiência grave.

Sintomas de miosite

Os sintomas da miosite podem incluir fraqueza muscular, dores musculares e sensibilidade muscular. Outros sintomas variam, dependendo da causa específica de miosite:
  • Miosite inflamatórias idiopáticas. Normalmente, estas condições causam fraqueza muscular indolor que se desenvolve lentamente ao longo de semanas, meses ou anos. Apesar de até 40% das pessoas com uma destas condições terem dor muscular, normalmente a fraqueza é pior do que a dor. Em polimiosite e dermatomiosite, geralmente, a fraqueza afeta os músculos perto do centro do corpo (chamada musculatura proximal), incluindo os músculos do pescoço, ombros e quadris. Alguns pacientes também têm dificuldade em engolir. Na dermatomiosite, sintomas de pele acompanham problemas musculares. Estes podem incluir coloração arroxeada das pálpebras, uma erupção vermelha no rosto e pescoço, ou manchas descamativas, geralmente nas articulações. Na miosite de corpos de inclusão, normalmente, a fraqueza começa na parte superior das pernas e mais tarde afeta os braços e músculos mais longe do centro do corpo (chamados músculos distais), incluindo músculos da mão, do pulso e das pernas. Perda de massa muscular (atrofia) é muitas vezes proeminente. Até metade destes pacientes têm dificuldade para engolir.
  • Miosite infecciosa. Quando miosite infecciosa é causada pela gripe, para além das dores musculares, os sintomas incluem fraqueza muscular, mas também febre alta, calafrios, dor de garganta, tosse, fadiga e nariz a escorrer. Quando é causada por triquinose, os sintomas nas fases iniciais incluem diarreia e võmitos. Mais tarde, quando os parasitas invadem os músculos, os sintomas podem incluir febre, vermelhidão ocular e dores musculares. Geralmente, pacientes com piomiosite têm febre e o abscesso do músculo torna-se doloroso e ligeiramente inchado. A pele sobre o músculo pode ficar vermelha e quente.
  • Miosite aguda benigna. Uma criança, de repente, apresenta dificuldade para andar e queixa-se de dor grave na perna. Muitas vezes, esta dor torna-se pior nos músculos da panturrilha. Na maioria dos casos, a criança também tem uma história de febre recente, coriza, dor de garganta e outros sintomas respiratórios superiores.
  • Miosite ossificante. Um nódulo aparece no músculo afetado, e este nódulo pode motivar dor quando você o pressiona. Geralmente, estes sintomas começam várias semanas após uma lesão muscular, especialmente uma contusão.
  • Miosite induzida por drogas. Os sintomas incluem dor muscular, dor e fraqueza. Geralmente, estes sintomas começam logo após uma pessoa começar a tomar um novo medicamento ou uma combinação de medicamentos. Miosite é mais comum quando uma pessoa está a tomar uma combinação de medicamentos hipolipemiantes, tais como gemfibrozil (Lopid) e lovastatina (Mevacor), do que quando toma um único medicamento.


Quando consultar um médico

Agende uma consulta com o seu médico se você tiver:
  • Fraqueza muscular que não desaparece
  • Uma erupção vermelha ou roxa no seu rosto que não desaparece, ou manchas escamosas nas suas articulações
  • Dores musculares que não desaparecem com repouso e medicação para a dor
  • Um caroço em qualquer músculo, especialmente se você também tiver febre ou outros sintomas
  • Dores musculares e fraqueza que começam depois de começar a tomar um novo medicamento
Consulte ainda o seu médico imediatamente se:
  • Tiver uma febre juntamente com dor e fraqueza muscular
  • Tiver um músculo que se torna quente, doloroso, inchado e rígido
  • O seu filho se queixar de dor grave e tiver dificuldade para andar

Diagnóstico de miosite

O seu médico irá pedir-lhe para descrever os seus sintomas. É especialmente importante descrever a localização exata de qualquer fraqueza ou dor muscular, e identificar há quanto tempo ela ocorre. O médico também irá rever a sua história médica e medicamentos atuais.
Em seguida, o seu médico irá examiná-lo, dando especial atenção aos seus músculos e nervos. Dependendo do que o seu médico encontra, ele pode solicitar exames de diagnóstico. Testes comuns usados para diagnosticar problemas musculares incluem:
  • Os exames de sangue para medir os níveis de enzimas musculares, auto-anticorpos (anticorpos dirigidos contra as próprias células ou órgãos) e anticorpos para agentes infecciosos.
  • Um eletromiograma, um teste que mede a atividade elétrica dos músculos.
  • Imagiologia por ressonância magnética, uma verificação que pode ser usada para localizar o melhor local para um biópsia, de modo a estabelecer o diagnóstico ou de modo a monitorizar o progresso de um tipo conhecido de miosite.
  • Um raio X-padrão ou varredura do osso, se o seu médico suspeitar que você tem miosite ossificante.
  • A tomografia computadorizada ou ressonância magnética, se houver suspeita de piomiosite.
  • A biópsia muscular. Com este teste, o médico toma uma amostra de tecido do músculo para que esta seja verificado ao microscópio. Uma biópsia muscular é a melhor forma de estabelecer o diagnóstico de miosite, já que pode mostrar claramente uma inflamação muscular. No entanto, os resultados não são sempre anormais, mesmo em pessoas que têm miosite.

Tratamento de miosite

O tratamento varia, dependendo do tipo da miosite:
  • Miosites inflamatórias idiopáticas. Para polimiosite e dermatomiosite, geralmente, os médicos iniciam o tratamento com um fármaco corticosteroide, tal como a prednisona (vendido como um genérico) ou metilprednisolona (Solu-Medrol, outros). Se isto falhar, pode ser adicionado metotrexato (Rheumatrex) ou azatioprina (Imuran). A imunoglobulina intravenosa (uma injecção de anticorpos recolhidos de dadores de sangue) pode ser eficaz nos casos em que outros tratamentos falham. Outros medicamentos imunossupressores podem ser recomendados para o tratamento de dermatomiosite e polimiosite, incluindo ciclosporina, rituximab, micofenolato de mofetil ou ciclofosfamida. Infelizmente, não existe um tratamento eficaz e fiável para miosite de corpos de inclusão, embora o tratamento com corticosteroides e terapias imunossupressoras (como com polimiosite e dermatomiosite) sejam muitas vezes tentados durante pelo menos durante vários meses. Se o tratamento for eficaz, o curso de terapia pode melhorar a força ou prevenir o agravamento da fraqueza. Quando miosite é acompanha de outra doença auto-imune, o tratamento da doença de base pode ser necessário, caso contrário, o tratamento da miosite é semelhante ao do polimiosite e dermatomiosite.
  • Miosite infecciosa. Se você tiver gripe, você deve descansar na cama e beber muitos líquidos. Você também pode tomar medicamentos que não necessitam de receita médica, para a febre e dores musculares. Se você tiver triquinose, o médico pode tratá-lo com mebendazol (Vermox) ou albendazol (Albenza), antibióticos que matam os parasitas de triquinose. Além disso, você deve descansar e tomar medicamentos para a dor. O seu médico também pode prescrever prednisona para reduzir a inflamação associada com a infecção. Para piomiosite, o médico pode recomendar a drenagem do abscesso através de uma incisão ou através da inserção de uma agulha. Além disso, ele poderá prescrever antibióticos para combater a infecção.
  • Miosite aguda benigna. O médico do seu filho vai prescrever medicação para a dor. Nenhum outro tratamento é necessário, porque a doença, geralmente, fica muito melhor dentro de poucos dias.
  • Miosite ossificante. O seu médico pode esperar para ver se o nódulo ósseo desaparece por si. Se isso não acontecer, ele pode recomendar a cirurgia para remover a massa.
  • Miosite induzida por drogas. O seu médico irá interromper qualquer medicação que se pense que possa estar a causar miosite. Medicamentos chamados corticosteroides podem ajudá-lo a recuperar mais rapidamente.
Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL