quinta-feira, 27 de julho de 2017

Prurido - Causas e tratamento

Prurido causas sintomas diagnóstico tratamento prevenção riscos complicações
Prurido ou coceira na pele é uma sensação desconfortável e irritante que pode ser o resultado de uma erupção cutânea ou de outra condição, tais como psoríase ou dermatite. O prurido cutâneo pode ser um sintoma de uma doença, como doença hepática ou renal.
Dependendo da causa que motiva coceira na sua pele, a pele pode parecer normal, mas também pode apresentar-se vermelha, áspera ou apresentar solavancos ou bolhas.
O alívio de longo prazo requer identificar e tratar a causa do prurido. Tratamentos de prurido incluem medicamentos, curativos molhados e terapia de luz. Medidas de autocuidado, incluindo o uso de produtos anti-coceira e tomar banhos frios, também podem ajudar.

Causas de prurido

Possíveis causas de coceira na pele incluem:
  • Pele seca. Se você notar pele brilhante, inchaços vermelhos ou alguma outra mudança dramática na área que motiva a coceira, a pele seca (xerose) é uma causa provável. A pele seca, geralmente resulta de fatores ambientais, como o tempo quente ou frio, com baixa umidade, do uso a longo prazo de ar condicionado ou aquecimento central, e de lavar ou tomar banho demasiadas vezes.
  • Doenças da pele e erupções cutâneas. Muitas condições de pele motivam coceira, incluindo eczema (dermatite), psoríase, sarna, piolhos, varicela e urticária. Geralmente, a coceira afeta áreas específicas, sendo acompanhada de outros sinais, tais como pele irritada, pele vermelha ou solavancos e bolhas.
  • Doenças internas. Estas incluem doenças do fígado, má absorção de trigo (doença celíaca), insuficiência renal, anemia por deficiência de ferro, problemas da tireoide e câncer, incluindo leucemia e linfoma. Geralmente, a coceira afeta todo o corpo. A pele pode parecer ter um aspeto normal, exceto nas áreas repetidamente coçadas.
  • Perturbações nervosas. Condições que afetam o sistema nervoso (como a esclerose múltipla, diabetes mellitus, nervos e herpes zoster) podem causar coceira.
  • Irritação e reações alérgicas. Lã, produtos químicos, sabonetes e outras substâncias podem irritar a pele e causar prurido. Por vezes, uma substância como a hera venenosa ou cosméticos provocam uma reacção alérgica. As alergias alimentares também podem causar coceira na pele.
  • Medicamentos. As reações a medicamentos, como antibióticos, antifúngicos ou analgésicos narcóticos, podem causar erupções generalizadas e coceira.
  • Gravidez. Durante a gravidez, algumas mulheres experimentam coceira na pele, especialmente no abdômen, coxas, seios e braços. Além disso, as condições de comichão na pele, tais como dermatite, podem agravar-se durante a gravidez.

Sintomas de prurido

Você pode ter comichão na pele sobre certas áreas pequenas, como num braço ou numa perna, mas todo o seu corpo também pode motivar coceira. A coceira na pele pode ocorrer sem quaisquer outras alterações visíveis na pele, mas também pode ser associada com:
  • Vermelhidão
  • Inchaços, manchas ou bolhas
  • Pele seca e rachada
  • Textura escamosa ou textura tipo couro na pele
Por vezes, a coceira dura um longo período de tempo e pode ser intensa. Quando você esfregar ou coçar a área, ela fica alterada. E quanto mais coçar, mais vontade vai ter de coçar. Quebrar este ciclo de coceira pode ser difícil, mas continuar a coçar pode danificar a sua pele ou causar infecção.


Complicações associadas a prurido

Prurido cutâneo pode afetar a sua qualidade de vida. Coceira prolongada e coçar podem aumentar a intensidade da coceira, possivelmente levando a:
  • Lesão da pele
  • Infecção
  • Cicatriz


Quando consultar um médico

Consulte o seu médico ou um especialista em doenças da pele (dermatologista) se a coceira:
  • Durar mais de duas semanas e não melhorar com medidas de autocuidado
  • For grave e distrai-lo das suas rotinas diárias ou o impedir de dormir
  • Não poder ser facilmente explicada
  • Afetar todo o seu corpo
  • For acompanhada de outros sintomas, como cansaço extremo, perda de peso, alterações nos hábitos intestinais ou frequência urinária, febre ou vermelhidão da pele

Diagnóstico de prurido

Rastrear a causa do seu prurido pode levar tempo e envolver um exame físico e uma história cuidadosa. Se o seu médico suspeitar de que a coceira na sua pele é o resultado de uma condição médica subjacente, ele pode realizar testes, incluindo:
  • Teste de sangue. Um hemograma completo pode fornecer evidências de uma condição interna que cause a sua coceira, tais como deficiência de ferro.
  • Perfil bioquímico. Este teste é utilizado para determinar se você tem uma doença do fígado ou dos rins.
  • Teste de função da tireoide. Anomalias da tireoide, tais como hipertireoidismo podem causar coceira.
  • Raios- X. Os sinais da doença subjacente que estão associados a comichão na pele, tais como aumento dos gânglios linfáticos, podem ser vistos usando uma radiografia.


Tratamento para prurido

Uma vez que a causa de prurido é identificada, os tratamentos para a coceira na pele podem incluir medicamentos para a condição, tratamento de doenças subjacentes e terapia de luz.

Medicamentos

Os medicamentos que podem ser utilizados no tratamento de prurido podem incluir:
  • Cremes de corticosteroides. Aplicados topicamente, estes podem controlar a coceira. O seu médico pode recomendar a aplicação do creme medicamentoso nas áreas afetadas, e, em seguida, deve cobrir-se essas áreas com material de algodão úmido que tenha sido embebido em água ou noutras soluções. A umidade nos curativos molhados ajuda a pele a absorver o creme.
  • Inibidores da calcineurina. Certos fármacos, tais como tacrolimus (Protopic) e pimecrolimus (Elidel) podem ser usados em vez de cremes de corticosteroides nalguns casos, especialmente se a superfície de prurido não for grande.
  • Anti-histamínicos orais. O seu médico pode recomendar medicamentos anti-alérgicos para aliviar a sua coceira. Este grupo de medicamentos inclui medicamentos de venda livre que não motivam sonolência, tais como cetirizina (Zyrtec) e loratadina (Claritin), ou aqueles que podem torná-lo sonolento, como a difenidramina (Benadryl). Os anti-histamínicos que o tornam sonolento podem ser particularmente úteis durante a noite, se a sua pele com coceira o mantiverem acordado.
  • Antidepressivos. Inibidores da recaptação da serotonina seletivos, como a fluoxetina (Prozac) e sertralina (Zoloft), podem ajudar a reduzir vários tipos de erupções cutâneas.


Também poderá gostar de ler:

Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL