sexta-feira, 29 de julho de 2016

Cisto sebáceo

Cisto sebáceo causas sintomas diagnóstico tratamento prevenção riscos complicações
Os cistos sebáceos são pequenos nódulos que surgem dentro da pele na face, costas e parte superior do tórax.

Causas de cisto sebáceo

Um cisto sebáceo pode formar-se quando a abertura de uma glândula sebácea fica bloqueada. A substância oleosa chamada sebo continua a ser produzida, mas não pode escapar para a superfície exterior da pele.
O cisto pode permanecer pequeno por anos, mas pode continuar a crescer. Estes cistos são raros em crianças, mas comuns em adultos. Os cistos sebáceos não são cancerosos.

Sintomas de cisto sebáceo

Um cisto é uma massa móvel em forma de cúpula e com superfície lisa que varia em tamanho desde alguns milímetros a vários centímetros. Os cistos sebáceos aparecem principalmente na face, costas e parte superior do tórax.


Fatores de risco para cisto sebáceo

Quase qualquer pessoa pode desenvolver um ou mais cistos sebáceos, mas alguns fatores podem a aumentar a sua suscetíbilidade. Estes incluem:
  • Estar na fase da puberdade
  • Ter uma história de acne
  • Ter certas doenças genéticas raras
  • Ferir a pele

Complicações associadas a cisto sebáceo

Potenciais complicações associadas a um cisto sebáceo podem incluir:
  • Inflamação. Um cisto pode tornar-se inchado, mesmo que não esteja infetado. Um cisto inflamado é difícil de remover. O seu médico deverá adiar a sua remoção até que a inflamação desapareça.
  • Ruptura. Muitas vezes, um cisto rompido resulta numa infecção que requer tratamento imediato.
  • Infecção. Cistos podem ficar infetados e tornarem-se dolorosos (abscesso).
  • Desconforto genital. Um cisto na área genital pode levar a relações sexuais e micção dolorosas.

Diagnóstico de cisto sebáceo

O seu médico pode examinar o inchaço e dizer-lhe se você tem um cisto.

Tratamento para cisto sebáceo

Geralmente, um cisto sebáceo não precisa de ser tratado, a menos que esteja inflamado (vermelho) ou se estiver a causar um problema cosmético. Geralmente, os cistos inflamados são tratados por drenagem do fluido e remoção da “casca” que compõe a parede do cisto. Os cistos também podem ser tratados com antibióticos, se a pele em torno deles ficar inflamada. Se um cisto estiver a causar irritação ou mau aspeto cosmético, o seu médico pode removê-lo, fazendo uma pequena incisão na pele e esvaziando o conteúdo do cisto e da sua parede.

Prevenção de cisto sebáceo

Os cistos sebáceas que ocorrem em pessoas com acne podem ser evitados mantendo a acne sob controle com medicação.
Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL