quinta-feira, 8 de junho de 2017

Dor vaginal - Causas e tratamento de dor vaginal

Dor vaginal causas sintomas diagnóstico tratamento prevenção riscos complicações
Dor vaginal pode ocorrer por vários motivos e sob uma variedade de circunstâncias, durante uma relação sexual, durante a menstruação e ao urinar. Apesar desta dor ou desconforto poder acontecer sem atividade sexual, muitas vezes ocorre durante a relação sexual, e as razões para a ocorrência da dor estão muitas vezes relacionadas com aspetos sexuais. Dor vaginal e dor pélvica (inferior) podem resultar em baixo libido (desejo sexual) ou numa incapacidade de atingir o orgasmo devido ao desconforto.
Porque existem muitas causas possíveis de dor na área vaginal ou dor pélvica, e porque o tratamento pode variar amplamente, obter um diagnóstico específico e cuidados adequados pode ajudar a resolver o problema.

Causas de dor vaginal

Situações que podem causar uma dor deste tipo incluem:
  • Um hímen que não tenha sido completamente penetrado
  • Inflamação devido a doenças sexualmente transmissíveis
  • Uma infecção aguda como vaginite
Outras causas potenciais de dor na área vaginal e menor dor pélvica podem incluir:
  • A secura vaginal
  • Infecções ou outros problemas com o sistema digestivo, especialmente intestinos ou bexiga
  • Fibromialgia, uma síndrome de dor crônica generalizada
  • Cistos nos ovários
  • Uma gravidez ectópica
  • Miomas
  • Endometriose
Estes problemas podem causar dor vaginal quando você não se envolve em relações sexuais, mas estas podem piorar a sua condição.
Dispareunia é o termo médico para a dor que ocorre na área vaginal durante a relação sexual. Esta pode incluir uma menor dor pélvica, dor que se estende mais para dentro da pelve e dor externa em torno dos genitais. Os tipos de dores vaginais experimentadas durante a relação sexual ou mesmo após a relação sexual incluem:
  • Cólicas
  • Dor aguda
  • Sensação de queimação dolorosa
Dor vaginal não é devida apenas a problemas físicos. Trauma sexual ou graves problemas sexuais dentro de um relacionamento podem levar ao enrijecer dos músculos vaginais durante as relações sexuais. E isto pode levar a relações sexuais dolorosas.

Diagnóstico para dor vaginal

Um médico pode realizar um exame pélvico para descobrir anormalidades, infecções ou outros problemas com a pelve ou vagina que possam estar a causar a dor. Ele pode usar um cotonete para tocar suavemente os órgãos genitais, para identificar quaisquer áreas de dor. Ele também pode colocar uma série de questões sobre como e quando ocorre a sua dor vaginal e dor pélvica.

Tratamento para dor vaginal

Dependendo do diagnóstico, tratamento de problemas físicos podem incluir:
  • Medicamentos para a dor, antibióticos, hormonas, ou antidepressivos
  • A cirurgia para reparação de anormalidades
  • Fisioterapia ou terapia de calor
  • Lubrificantes vaginais
  • Acupuntura
  • biofeedback
Se nenhuma causa física da dor vaginal ou dor pélvica for diagnosticada, um terapeuta sexual ou um psicólogo pode ser capaz de ajudá-la a identificar uma causa emocional que esteja por trás da dor. Sessões de aconselhamento podem ajudar o casal a diagnosticar e tratar o problema através da comunicação, relaxamento e falando abertamente sobre sexo.
O mais importante não será tentar diagnosticar a dor na área vaginal em si mesmo. Consulte o seu médico para excluir causas físicas, e trabalhe com um terapeuta, se precisar de resolver quaisquer problemas emocionais.
Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL