segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Joanete - Causas e tratamento de joanete

Joanete causas sintomas diagnóstico tratamento prevenção
O joanete é uma saliência óssea que se forma na articulação da base do dedão do pé. Um joanete forma-se quando o dedo grande do pé empurra contra o próximo dedo do pé, forçando a articulação do dedão a ficar maior e com uma saliência para fora. A pele sobre o joanete pode ficar vermelha e dolorida.
Sapatos apertados e estreitos podem causar joanetes ou torná-los pior. Os joanetes também se podem desenvolver como resultado de um defeito estrutural herdado ou de uma condição médica, tal como a artrite.
Pequenos joanetes também se podem desenvolver no conjunto dos pequenos dedos do pé.

Sintomas de joanete

Os sinais e sintomas incluem:
  • O inchaço e abaulamento do lado de fora da base do dedão do pé
  • Inchaço, vermelhidão ou dor em torno da articulação do dedão do pé
  • Espessamento da pele na base do dedão do pé
  • Calos ou calosidades, que se desenvolvem muitas vezes quando o primeiro e segundo dedos se sobrepõem
  • Dor persistente ou intermitente
  • Circulação restrita no dedão do pé

Causas de joanete

Os joanetes desenvolvem-se quando as pressões  que provocam rolamento e deslocamento do seu peso caem de forma desigual sobre as articulações e tendões localizados nos pés. Este desequilíbrio na pressão faz com que a articulação do dedo grande do pé fique instável, moldando as partes da articulação com a força que se projeta para além da forma normal do pé.
Especialistas discordam sobre o facto de sapatos apertados, de salto alto ou muito estreitos poderem causar joanetes ou se o calçado por si só contribui para o desenvolvimento de um joanete. Outras causas incluem:
  • Uma condição herdade de distúrbios no pé
  • Lesões nos pés
  • Deformidades presentes no nascimento (congênitas)
Os joanetes podem estar associados a certos tipos de artrite, particularmente aos tipos inflamatórios, tais como artrite reumatóide. Uma ocupação que coloque uma pressão adicional sobre os pés ou uma atividade que requeira o uso de sapatos pontiagudos também podem ser causas de joanetes.


Fatores de risco para joanete

Alguns fatores podem aumentar o risco de joanetes, nomedamente:
  • O uso de calçado de salto alto. Usar saltos altos cria uma pressão na parte da frente dos pés, aglomerando os dedos dos pés.
  • Sapatos mal ajustados. As pessoas que usam sapatos que são demasiado apertados, muito estreitos ou muito pontiagudos tornam-se mais suscetíveis.
  • Artrite. A dor da artrite pode mudar a forma de andar, aumentado a susceptibilidade para joanetes.
  • Hereditariedade. A tendência para desenvolver este problema pode estar presente devido a um defeito estrutural do pé que tenha sido herdado.


Complicações associados ao joanete


Apesar de nem sempre causarem problemas, os joanetes são permanentes, a menos que sejam corrigidos cirurgicamente. Possíveis complicações incluem:
  • Bursite. Esta condição dolorosa ocorre quando as pequenas bolsas cheias de líquido (bursas) que amortecem os ossos, tendões e músculos perto as articulações ficam inflamadas.
  • Uma condição em que uma curva anormal ocorre na articulação do meio de um dedo do pé, geralmente o dedo do pé ao lado do dedão do pé, o que pode causar dor e pressão.
  • Metatarsalgia. Esta condição causa dor e inflamação na “bola” do pé.

Quando consultar um médico

Apesar de muitas vexes os joanetes não necessitarem de tratamento médico, deve consultar o seu médico ou um médico especializado no tratamento de distúrbios do pé (podólogo ou especialista em pé ortopédico) se você apresentar:
  • Dor persistente no dedão do pé
  • Inchaço visível no dedão do pé
  • Movimento diminuido do dedão do pé ou do próprio pé
  • Dificuldade em encontrar sapatos que se encaixem corretamente por causa de um joanete

Diagnóstico para joanete

Antes de examinar o pé, o médico irá perguntar-lhe sobre os tipos de sapatos que você usa e quantas vezes os usa. Ele também irá perguntar se alguém na sua família teve joanetes ou se você já teve anteriormente alguma lesão no pé.

Na maioria dos casos, o médico pode diagnosticar um joanete com recurso apenas à visualização do seu pé. Durante este exame, você será solicitado a mover o seu dedo grande do pé para cima e para baixo, para verificar se você pode movê-lo tanto quanto você deve ser capaz. O médico também irá procurar por sinais de vermelhidão e inchaço, e perguntar se a área se encontra dolorosa. O seu médico pode querer pedir um raio-X do pé para verificar se existem outras causas de dor, de modo a determinar se existe artrite significativa e se os ossos estão bem alinhados.

Tratamentos para joanete

As opções de tratamento variam de acordo com a gravidade do joanete e da quantidade de dor que provoca.

Tratamento conservador

Tratamentos não cirúrgicos que podem aliviar a dor e pressão incluem:
  • Alterar o tipo de sapatos. Os sapatos devem ser espaçosos, confortáveis e proporcionarem muito espaço para os dedos dos pés.
  • Usar preenchimento ou talas. O médico pode ajustar e fixar o seu pé numa posição normal, o que pode reduzir o estresse e aliviar a sua dor.
  • Medicamentos. Paracetamol (Tylenol, outros), ibuprofeno (Advil, Motrin IB, outros) ou naproxeno (Aleve) podem ajudar a controlar a dor. Injecções de cortisona também podem ser úteis.
  • Palmilhas. Palmilhas acolchoadas podem ajudar a distribuir a pressão de modo uniforme quando você move os pés, reduzindo os sintomas e prevenindo que o joanete se agrave. Suportes em arco de venda livre podem proporcionar alívio para algumas pessoas, mas noutros casos pode existir necessidade de recorrer a aparelhos ortopédicos prescritos pelo médico.
  • Aplicação de gelo. Aplicar gelo sobre a área inchada, depois de aparecer o joanete, pode ajudar a aliviar a dor e inflamação.

Opções cirúrgicas

Se o tratamento conservador não proporcionar alívio dos seus sintomas, você pode necessitar de cirurgia. O objetivo da cirurgia é aliviar o desconforto, retornando o dedo do pé para a posição correta.
Existem uma série de procedimentos cirúrgicos para joanetes, e nenhuma técnica é considerada melhor para todos os diferentes problemas.
Procedimentos cirúrgicos para joanetes podem envolver:
  • Remoção do tecido inchado em torno da grande articulação do dedo
  • Endireitar o dedo grande do pé através da remoção de parte do osso
  • Realinhamento do osso longo entre a parte de trás do pé e o dedão do pé, para endireitar o ângulo anormal em que se encontra a articulação do dedo
  • Juntar os ossos duma articulação afetada permanentemente
É possível que você possa ser capaz de caminhar sobre o pé imediatamente após um procedimento de cirurgia de joanete. No entanto, a recuperação total pode levar semanas ou meses. Para evitar a repetição do joanete, você precisa de usar sapatos adequados após a recuperação. É improvável que você seja capaz de usar sapatos mais estreitos após a cirurgia.
A cirurgia não é recomendada a menos que um joanete cause dor frequente ou interfira com as suas atividades diárias. Converse com o seu médico sobre o que você pode esperar após a cirurgia de joanete.

Prevenção de joanete

Para ajudar a prevenir joanetes, considere:
  • Certificar-se de que os seus sapatos não causam cãibras ou irritam os dedos dos pés
  • Escolher sapatos com biqueira larga
  • Adaptar os sapatos à forma dos pés, sem apertar ou pressionar qualquer parte do pé
  • Evitar sapatos de bico fino


Um comentário:
Ana Clara disse...

Eu eliminei os joanetes nos dois pés com esta palmilha aqui: www.valgomed.com.br. Fica a dica.

ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL