terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Triglicerideos ou triglicérides são um tipo de gordura no sangue

Triglicerídeos elevados altos causas sintomas diagnóstico tratamento
Os triglicerideos também designados de triglicérides são um tipo de gordura encontrada no sangue, que o corpo utiliza para obter energia. Os triglicerideos tornam-se necessários para manter uma boa saúde. Mas triglicérides elevados podem aumentar o risco de doenças do coração e podem ser um sinal de síndrome metabólica.
A síndrome metabólica é uma combinação de pressão alta, açúcar elevado no sangue, excesso de gordura ao redor da cintura, baixo colesterol HDL e triglicerideos elevados. A síndrome metabólica aumenta o risco de doenças cardíacas, diabetes e derrame.
Um exame de sangue que mede o colesterol também mede os níveis de triglicerideos. Para uma ideia geral sobre o seu nível de triglicérides, compare os resultados do teste com os seguintes dados:
  • Normal - Inferior a 150
  • Limite superior - 150 a 199
  • Alto - de 200 a 499
  • Muito alto - 500 ou superior


Diferença entre triglicerideos e colesterol

Triglicerideos e colesterol são tipos distintos de lipídios que circulam no sangue. Triglicérides armazenam calorias não utilizadas e fornecem ao corpo energia, enquanto que o colesterol é usado para construir células e certos hormônios. Porque triglicérides e colesterol não podem dissolver-se no sangue, eles circulam por todo o corpo, com a ajuda de proteínas que transportam os lipídios (lipoproteínas).

Causas de níveis elevados de triglicerideos

Triglicerideos elevados são geralmente causados por outras condições, tais como:
  • Obesidade
  • Diabetes mal controlado
  • Uma disfunção da tireoide (hipotireoidismo)
  • Doença renal
  • Comer regularmente mais calorias do que queima
  • Beber uma grande quantidade de álcool
Alguns medicamentos também podem elevar os triglicérides. Estes medicamentos incluem:
  • Tamoxifeno
  • Esteróides
  • Os beta-bloqueadores
  • Diuréticos
  • Estrogênio
  • As pílulas anticoncepcionais
Em alguns casos, níveis altos de triglicérides também podem funcionar nas famílias.

Sintomas de níveis elevados de triglicerideos

Triglicerideos elevados geralmente não causam sintomas.
Mas se os triglicérides elevados forem causados por uma condição genética, você pode verificar depósitos de gordura sob a pele. Estes são chamados de xantomas.

Prevenção de triglicerideos elevados

Você pode promover uma dieta e mudar o estilo de vida de forma a diminuir os seus níveis de triglicérides:
  • Mantenha um peso saudável
  • Limite gorduras e açúcares em sua dieta
  • Seja mais ativo
  • Pare de fumar
  • Limite de álcool
Você também pode precisar de medicamentos para ajudar a reduzir os triglicérides, mas provavelmente, o seu médico vai pedir-lhe para tentar primeiramente uma dieta e mudanças de estilo de vida.


Controlar níveis elevados de triglicerideos

Ainda não se sabe exatamente porque é que os níveis altos de triglicerideos podem contribuir para o endurecimento das artérias ou espessamento das paredes das artérias (aterosclerose), o que aumenta o risco de acidente vascular cerebral, ataque cardíaco e doença cardíaca. Triglicérides extremamente elevados (por exemplo, níveis superiores a 1000 mg / dL) também podem causar pancreatite aguda.

Triglicérides elevados são frequentemente um sinal de outras condições que aumentam o risco de doença cardíaca e acidente vascular cerebral, bem como a obesidade e síndrome metabólica, um conjunto de condições que inclui muita gordura ao redor da cintura, pressão arterial elevada, triglicérides elevados, açúcar elevado no sangue e níveis de colesterol anormais.
Por vezes, triglicérides elevados são um sinal de diabetes tipo 2 mal controlada, baixos níveis de hormonas da tireoide (hipotireoidismo), doença hepática ou renal, ou condições genéticas raras que afetam o seu corpo ao converter gordura em energia. Triglicerideos elevados também podem ser um efeito colateral de tomar medicamentos como betabloqueadores, pílulas anticoncepcionais, diuréticos ou esteróides.


Como reduzir os triglicerideos

O estilo de vida saudável é fundamental. Considere:
  • Perder peso se você estiver com sobrepeso, já que perder peso pode ajudar a diminuir os níveis de triglicerideos. Motive-se, concentrando-se sobre os benefícios da perda de peso, para ter mais energia e melhor saúde.
  • Reduzir calorias. Lembre-se de que as calorias extras são convertidas em triglicerideos e armazenam-se como gordura. Reduzir as suas calorias irá reduzir os triglicérides.
  • Evite alimentos açucarados e refinados. Os carboidratos simples, como açúcar e alimentos feitos com farinha branca, podem aumentar os triglicerideos.
  • Escolha gorduras saudáveis. Troque a gordura saturada encontrada em carnes por soluções mais saudáveis de gordura monoinsaturada encontrada em plantas, tais como azeite, amendoim e canola. 
  • Limite a quantidade de álcool que ingere. O álcool é rico em calorias e açúcar e tem um efeito particularmente potente sobre os triglicérides. Mesmo pequenas quantidades de álcool podem aumentar os níveis de triglicérides.
  • Exercitar-se regularmente. Aponte para pelo menos 30 minutos de atividade física na maioria dos dias da semana. O exercício regular pode reduzir os triglicerideos e aumentar o colesterol "bom". Dê uma rápida caminhada diária, nade ou participe de um grupo que promova exercício. Se você não tem tempo para se exercitar por 30 minutos, tente implementar pelo menos 10 minutos de atividade física. Promova uma curta caminhada, suba as escadas do trabalho ou experimente algumas flexões abdominais enquanto assiste à televisão.


Medicação para baixar os niveis de triglicerideos


Se as mudanças que permitem um estilo de vida saudável não forem suficientes para controlar os níveis elevados de trigliceridoos, o seu médico pode recomendar alguns dos seguintes medicamentos:

  • Estatinas. O seu médico pode prescrever estes medicamentos para baixar o colesterol, se você também tiver baixos níveis de colesterol HDL, ("bom" colesterol); altos níveis de colesterol LDL ("mau colesterol"); ou se você tiver uma história de artérias bloqueadas ou diabetes. Exemplos incluem atorvastatina (Lipitor), e simvastatina (Zocor). A dor muscular é um efeito colateral potencial.
  • Os óleos de peixe. Também conhecido como ácidos graxos ômega-3, os suplementos de óleo de peixe podem ajudar a diminuir os níveis de triglicérides. Altas doses são necessárias, no entanto, esta opção é muitas vezes reservada para pessoas que têm níveis de triglicérides acima de 500 mg / dL.
  • Fibratos. Medicamentos de fibrato, tais como fenofibrato (TriCor, Fenoglide, outros) e gemfibrozil (Lopid), também podem diminuir os seus níveis de triglicerideos. Fibratos parecem funcionar melhor em pessoas que têm níveis de triglicérides acima de 500 mg / dL. Os fibratos podem aumentar o risco de efeitos secundários, quando tomados em conjunto com estatinas.
  • Niacina. Niacina, por vezes chamado de ácido nicotínico, pode diminuir os níveis de triglicérides e o seu "mau" colesterol (colesterol LDL). Este, é normalmente reservado para as pessoas que têm níveis de triglicerideos acima de 500 mg / dL. Não tome niacina que não necessita de prescrição médica, antes de falar com seu médico. A niacina pode interagir com outros medicamentos e pode causar efeitos colaterais significativos.
Se o seu médico prescrever medicamentos para baixar os níveis de triglicerideos, tome a medicação prescrita e lembre-se de manter um estilo de vida saudável. Medicamentos podem ajudar, mas o estilo de vida também é muito importante e primordial.



Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL