segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

Transpiração - Causas e tratamento de sudorese

Transpiração causas diagnóstico tratamento
A transpiração ou sudorese é controlada pelo nosso sistema nervoso. As glândulas sudoríparas encontram-se na pele por todo o corpo, existindo em maior número na pele das mãos, pés, axilas e região genital. Normalmente, a transpiração ocorre quando a temperatura do corpo sobe. Transpiração excessiva significa sudorese profusa ou devida a uma condição médica subjacente, ou a um fator externo (tais como medicamentos). Hiperidrose significa uma transpiração excessiva, que, geralmente não é devida a uma condição médica subjacente, e que ocorre em áreas como as palmas das mãos, plantas dos pés ou axilas. Outras áreas do corpo podem também ser afetadas. Geralmente, a hiperidrose começa na infância ou no início da adolescência, aumentando em gravidade durante a fase da puberdade e no decorrer da idade adulta. Palmas das mãos suadas são o problema mais comum e mais incômodo para as pessoas que têm hiperidrose.

Causas de transpiração

A sudorese é normalmente associada a exercício ou à permanência em ambientes quentes. Nestas condições, não transpirar seria prejudicial. Algumas situações estressantes também podem causar sudorese. Em algumas pessoas, a estimulação das glândulas sudoríparas durante o estresse é hiperativa. Falar com estranhos ou apertar a mão de alguém pode produzir sudorese profusa. Causas da sudorese incluem:
  • Perturbação emocional
  • Pressão baixa
  • Baixo nível de açúcar no sangue
  • Problemas cardíacos
  • Baixa contagem de células sanguíneas
  • Alguns medicamentos para aliviar a dor
  • Exercício
  • Álcool
  • Infecção
  • Cafeína
  • Alimentos picantes
  • Ondas de calor
  • O uso de drogas ilegais, como cocaína e anfetamina
  • A utilização de medicamentos que estimulam partes do sistema nervoso
  • Um tumor (feocromocitoma)
  • A retirada de alguns medicamentos ou álcool

Sintomas associados a transpiração


Os locais mais comuns onde ocorre a sudorese incluem as axilas, palmas das mãos, plantas dos pés, rosto, costas e abdômen. Os sintomas mais comuns que ocorrem com uma condição excessiva incluem ansiedade, nervosismo e medo. A transpiração excessiva que ocorre com desmaios, dor no peito, ou dificuldade para respirar pode estar associada a doenças cardíacas.



Diagnóstico de sudorese excessiva

O seu médico deve ser consultado para se certificar de que uma pessoa sofre de sudorese excessiva, desde que esta não seja causada por qualquer outra condição médica. Normalmente, o médico recorre a alguns testes para diagnostica esta condição.

Tratamento para transpiração excessiva

Quando a transpiração  se torna excessiva tendo como causa alguma condição médica, essa condição deverá ser tratada. Se a menopausa for a causa, você pode conversar com o seu médico para analisar a possibilidade de substituição de estrogênio.
Se a sudorese for um acontecimento natural, tendo em atenção a forma como o seu corpo funciona, poderá recorrer-se a certos anti-transpirantes, o que pode motivar a melhoria desta condição. Se os medicamentos não funcionarem, injeções de toxina botulínica tipo A são por vezes utilizadas para a sudorese nas axilas.
O seu médico pode ajudá-lo com este problema.


Prevenção para transpiração excessiva

Enquanto você experimenta diferentes antitranspirantes ou qualquer outro tratamento que o seu médico recomende, você também pode incorporar algumas soluções em casa para ajudar a reduzir a sudorese:
  • Não use roupas pesadas. Em vez disso, use tecidos respiráveis, como algodão e seda. Use uma camisa extra quando você sabe que vai promover exercício ao ar livre com calor. Os seus pés podem suar muito, por isso, use meias apropriadas que possam reduzir a sudorese (lã merino é uma boa escolha).
  • Banhe-se todos os dias usando um sabonete antibacteriano para controlar as bactérias que podem habitar na pele e causar odores associados ao suor. Depois, seque-se completamente,  antes de aplicar antiperspirante.
  • Use forros nas axilas e palmilhas para absorver o suor, para que ele não estrague as suas roupas ou comece a cheirar mal.
  • Não peça nenhum burrito jalapeno duplo com uma margarita no restaurante mexicano favorito. Alimentos picantes e álcool podem fazer você suar, tal como bebidas quentes, como chá e café.


Também poderá gostar de ler:

Nenhum comentário:
Postar um comentário

ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL