sábado, 31 de dezembro de 2016

Sangramento das gengivas ou gengivas a sangrar

Sangramento das gengivas causas tratamento cura
Sangramento das gengivas, também se pode designar de sangramento gengival, hemorragia das gengivas ou estomatorragia.
O aparecimento de sangue nas cerdas da sua escova de dentes ou na sua pia, após uma limpeza completa não é algo que você deva ignorar. Sagramento ocasional das gengivas pode ocorrer se alimentos grosseiros arranharem as suas gengivas, mas se o sangue aparecer regularmente na sua escova ou fio dental, poderá haver uma situação mais grave. Aqui estão seis razões pelas quais as suas gengivas podem sangrar, e como você pode resolver o problema.


Causas de Sangramento nas gengivas

Gengivite

Quando a placa bacteriana aparece sobre os dentes, as gengivas podem ficar inflamadas. O resultado desta circunstancia é o aparecimento da gengivite. Indolor e que praticamente não motiva sintomas, a gengivite é facilmente omitida, a menos que você note manchas de sangue na sua escova ou fio dental. A gengivite é uma doença ignorada porque não é dolorosa. Fica fora da vista, longe do coração. Mas não tratada, a gengivite pode levar à doença periodontal, uma doença crítica por via oral, caracterizada pela destruição do tecido gengival e perda de dentes.
Felizmente, a gengivite pode ser revertida, e completamente evitada. A gengivite é praticamente 100 por cento evitável. Meticulosa higiene oral (escovação e uso do fio dental) para remover a placa bacteriana dos dentes, além de visitas regulares ao seu dentista, podem evitar gengivas com sangramento.

Fumar

Os fumantes correm um maior risco de sofrer sangramento nas gengivas. Fumar tende a causar maior risco para a doença periodontal, devido a uma variedade de razões. Fumaça inalada pode deixar toxinas irritantes sobre os dentes, que podem ser difíceis de remover através da higiene oral. Estas substâncias insalubres podem causar problemas nas gengivas, motivando que estas sangrem. Fumantes também pode ter uma resposta imune comprometida à infecção, o que cria problemas com a cura adequada e oxigenação do fornecimento de sangue (fatores que podem influenciar negativamente a sua gengiva). Pare de fumar e suas gengivas irão agradecer.

Consumir uma dieta nutricionalmente pobre

Se você não comer as porções diárias recomendadas de frutas e legumes frescos, bem como grãos, laticínios e proteína, você poderá ver as suas gengivas alvo de inflamação. Manter um estilo de vida saudável é uma importante defesa. Uma dieta equilibrada é a chave para, não só um corpo saudável, mas também uma boca saudável. Esqueça os chamados alimentos "milagre" que, supostamente, são usados para manter as gengivas saudáveis e prevenir a doença oral. Tais alimentos não existem. O único milagre é a escova de dentes. A combinação de uma boa higiene oral e saúde em geral é a melhor prevenção.

Ser do sexo feminino

As alterações hormonais durante a menstruação e gravidez podem aumentar as chances de ter sangramento nas gengivas. Há mulheres que experimentam uma gengivite hormonal regular associada com seu ciclo mensal. As mudanças hormonais na gravidez também aumentam o risco de desenvolver gengivite ou periodontite. Se você acha que seus hormônios podem estar causando sangramento nas suas gengivas, peça ao seu dentista um aconselhamento sobre a melhor forma de adaptar a sua rotina de saúde oral.

Maus hábitos de higiene oral

Escovar os dentes poucas vezes, ou não escovar de todo, esquecer-se de usar o fio dental (se você não está comprometido com uma rotina de higiene bucal regular e cuidadosa, suas gengivas vão sofrer as consequências negativas) poderão ser razões para a ocorrência de problemas nas gengivas. As gengivas são um tecido bastante macio. Se você as traumatizar com uma escova de dentes de cerdas duras, você pode torná-las inchadas e irá ocorrer sangramento. Escovas de cerdas macias fornecem uma opção de limpeza suave para gengivas e dentes, mas se você se esquece de escovar, o tipo de escova que você usa não importa. A causa número um da gengivite, é a acumulação de placa bacteriana. As bactérias na placa, usam os restos de comida para produzir ácidos que podem afetar tanto as gengivas como os dentes.
Os hidratos de carbono, a partir de alimentos ricos em amido e açúcar, tais como batatas fritas e algumas frutas são os principais responsáveis pelos restos de comida na sua boca. Eles podem manter-se nos dentes e gengivas por um período longo de tempo, se não forem removidos imediatamente. Se você gosta desse tipo de alimentos,  torna-se imperativo que você escove os dentes imediatamente depois de comer, para eliminar quaisquer efeitos prejudiciais para os dentes e gengivas.


Uso de certos medicamentos

Já informou o seu dentista sobre o inicio da utilização de quaisquer novos medicamentos? Alguns medicamentos podem aumentar o risco de sangramento nas gengivas. Os anticonvulsivantes, tais como Dilantin podem causar inchaço anormal da gengiva. Alguns medicamentos para pressão arterial e imunossupressores, também podem causar inflamação da gengiva e sangramento, enquanto outras drogas podem deixá-lo com a boca seca (outro gatilho para problemas de gengiva). Provavelmente, existem mais de 400 medicamentos que podem afetar a quantidade de fluxo salivar na boca, incluindo anti-histamínicos, sedativos, anti-depressivos e anti-psicóticos. A saliva é necessária para lavar restos de alimentos e neutralizar os ácidos irritantes de goma que são produzidos por bactérias. Se você perder o seu fluxo salivar, é importante ter uma boa higiene oral, porque a sua boca não está a receber os efeitos benéficos da saliva.

Tratamento para sangramento gengival

O melhor tratamento para sangramento gengival é remover dos seus dentes, as bactérias da placa que causam a doença de goma. Quando a placa dentária se acumula, ela transforma-se em tártaro, uma substância dura e pegajosa que adere aos dentes. Sem limpeza regular dos dentes, o tártaro dentário pode tornar-se um terreno fértil para o aparecimento de mais placa bacteriana, que pode instalar-se abaixo da linha da gengiva e levar a uma infeção que provoca sangramento nas gengivas.
Então, se você perceber que você tem sangramento nas gengivas, consulte um dentista o mais rápido possível. Procure tratamento para o sangramento que ocorre nas gengivas, logo que apareça o primeiro sinal do problema, de modo a que se possa reverter a gengivite e ajudar a prevenir a doença periodontal. Outras opções de tratamento podem incluir procedimentos de raspagem e alisamento radicular, e de retardamento do processo da doença gengival. Se você sofre de uma forma avançada de doença periodontal, o seu dentista pode recomendar um curso de tratamento para o sangramento ou terapia periodontal. Em alguns casos, a cirurgia dental pode ser necessária para controlar o sangramento.

Também poderá gostar de ler:

Nenhum comentário:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL