terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Terçol ou calázio - Qual a diferença

Terçol e calázio causas sintomas diagnóstico tratamento prevenção
Terçol e calázio são nódulos na/ou ao longo da borda de uma pálpebra e podem ser dolorosos ou irritantes, mas raramente são graves. A maior parte deles desaparece por si, sem necessidade de recorrer a qualquer tratamento.

Um terçol é uma infecção que provoca um nódulo vermelho na pálpebra. A maioria dos terçóis ocorrem ao longo da borda da pálpebra, e quando estes ocorrem no interior da pálpebra são chamados de hordéolos internos.

O calázio é um nódulo na pálpebra. Calázio pode parecer um terçol, mas ele geralmente é maior.
Terçol e calázio podem estar relacionados com a blefarite, um problema comum que provoca a inflamação das pálpebras.

Causas de terçol e de calázio

O terçol é causado por uma infecção bacteriana. Normalmente, as bactérias crescem na raiz (folículo) de uma pestana. Um hordéolo interno é causado por infecção de uma das pequenas glândulas de óleo no interior da pálpebra.
O calázio forma-se quando uma glândula de óleo na pálpebra fica bloqueada. Se um hordéolo interno não drenar e curar, ele pode transformar-se num calázio.

Sintomas de terçol e de calázio

Geralmente, um terçol começa como um inchaço vermelho que se parece com uma espinha ao longo da borda da pálpebra. Quando estecresce, a pálpebra fica inchada e dolorosa.
A maioria dos terçóis incha durante cerca de três dias antes de abrirem e drenarem, e, geralmente cicatrizam numa semana.
O calázio inicia-se como um nódulo firme ou cisto sob a pele da pálpebra.
Ao contrário do terçol, muitas vezes, o calázio não motiva dor.

O calázio cresce mais lentamente do que o terçol. Se um calázio se tornar suficientemente grande, ele pode afetar a sua visão.
A inflamação e o inchaço podem espalhar-se para a área circundante do olho.
Frequentemente, o calázio desaparece em poucos meses sem tratamento.

Diagnóstico de terçol ou calázio

Para diagnosticar estes problemas, os médicos examinam de perto a pálpebra, mas pode tornar-se difícil perceber a diferença entre um terçol e calázio. Se houver um caroço duro no interior da pálpebra, o médico irá provavelmente diagnosticá-lo como um calázio.

Tratamento de terçol e do calázio

Tratamento em casa é tudo o que se torna necessário para a maioria dos terçóis e calázios.
Pode-se aplicar compressas quentes e úmidas, durante 5 a 10 minutos, 3 a 6 vezes por dia. Geralmente, isto ajuda a obter uma cura mais rapidamente. Abrir um poro bloqueado, de modo a que ele possa drenar e começar a curar, também pode ser benéfico.
Pode usar-se uma pomada, uma solução, ou compressas medicinais.
Deixe o terçol ou calázio aberto por conta própria. Não o aperte ou abra.
Não use maquiagem dos olhos ou lentes de contato até que a área fique curada.
Se um terçol não melhorar com o tratamento caseiro, fale com o seu médico. Você pode precisar de uma receita de pomada ou colírio antibiótico. Você tembém pode precisar de recorrer a comprimidos de antibiótico se a infecção se espalhar para a pálpebra ou olho.
Se um terçol ou calázio ficar muito grande, o médico pode precisar de furar o nódulo para que ele possa drenar e curar. Não tente furá-lo sozinho.

Evitar um terçol ou calázio

Não esfregue os olhos. Isso pode irritar os olhos. Se você precisa de tocar seus olhos, lave antes as mãos.
Proteja seus olhos da poeira e poluição do ar quando você puder. Por exemplo, use óculos de segurança quando você fizer tarefas empoeiradas.
Se você está sujeito a terçóis ou calázios de modo frequente, lave as pálpebras regularmente com um pouco de xampu de bebê misturado com água morna.
Trate sempre prontamente qualquer inflamação ou infecção da pálpebra.


Também poderá gostar de ler:

Postar um comentário
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL